Reserve diretamente e tenha vantagens!

Regata de Barcos Rabelo no Rio Douro

Eventos

Existem várias coisas a não perder se visita o Porto por altura do São João. A regata de barcos rabelo no rio Douro é uma delas.

Os rabelos tiveram um papel fundamental na expansão do negócio do vinho do Porto.

Era nestas embarcações que se fazia o transporte das pipas do vinho do Porto, das quintas no Douro até ao Cais de Gaia, de onde depois partiam para o Mundo. Com um fundo chato, sem quilha e com um leme longo na ponta, podiam transportar até cerca de 100 barris de vinho.

Tinham estas caraterísticas para fazer face ao desafio que era navegar o Douro. O rio, nessa altura em que não existiam as barragens que, entretanto, foram construídas, tinha uma navegabilidade muito difícil e muitos marinheiros perderam a vida nestas subidas e descidas. Era uma tarefa árdua, quer a descida, onde era preciso conhecer os rápidos e correntes do rio, quer a subida, onde muitas vezes era preciso puxar os barcos à força dos braços e alguns animais. Pode ver neste vídeo como era difícil o trabalho a bordo de um rabelo.

O progresso, com a chegada da linha férrea e o desenvolvimento dos meios de transporte, enviou os rabelos para a reforma em meados do século passado. Hoje em dia, erguem velas e saem à água apenas na tarde do dia de São João, numa regata que existe desde finais da década de 70.

As embarcações partem do cabedelo, junto à foz do Douro e competem até à Ponte Luiz I. Cada rabelo tem hasteada a bandeira da cave de Vinho do Porto a que pertence e formam no Douro uma colorida imagem. Organizada pela Confraria do Vinho do Porto, nasceu com um espírito lúdico, mas ainda assim, todos as caves se esforçam para terminar o percurso definido em 1ºlugar.

Se está pelo Porto nesta altura, não deve perder esta bonita corrida, que enche de cor as águas do Douro e transforma o rio num postal, só possível de fotografar neste dia.

Se nunca assistiu e este ano não pode vir, marque na sua lista para experimentar num dos próximos anos!

ver mais